..::Ministério da Reconciliação::..

Text size
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Estudos Bíblicos Mensagens Jamais Rejeite a Deus!

Jamais Rejeite a Deus!

E-mail Imprimir PDF

“Tu me rejeitaste, diz o SENHOR, voltaste para trás; por isso, levantarei a mão contra ti e te destruirei; estou cansado de ter compaixão.”                                      Jeremias15:6



Este versículo da palavra de Deus soa aos nossos ouvidos modernos de forma terrível, pois sem dúvida nenhuma, nós como igreja nestes dias, não estamos acostumados a ouvir palavras de juízo e condenação.

 

Vivemos um momento tão difícil como os dias do profeta Jeremias, onde o povo de Israel esperava que Deus se satisfizesse com eles porque tinham praticado de forma corretaalgum ritual estabelecido pela Lei de Deus.


Eles esperavam que após realizarem os seus cultos e festas religiosas, poderiam fazer o que bem desejassem sem que Deus se importasse com isso.

 

Assim também ocorre em nossos dias, onde as pessoas tentam aproximar-se de Deus vindo a igreja não por que reconhecem que são pecadoras e carentes da misericórdia e graça de Deus, mas para lhes prestar algum tipo de tributo, para alcançarem os seus objetivos materialistas e depois poderem voltar as suas práticas mundanas até o próximo culto, quando repetirão novamente todo este ritual profano.(Jeremias 3: 4-5) nos mostra toda a indignação de Deus com esta forma de culto: “Não é de fato que agora mesmo tu me invocas, dizendo: Pai meu, tu és o amigo de minha mocidade? Conservarás para sempre a tua ira? Ou a reterás até o fim? Sim assim me falas, mas comete maldade até não mais poder”Jeremias 15: 6 nos mostra que este tipo de culto além de estar longe de agradar a Deus, trás sobre aqueles que o praticam a ira do Senhor, pois demonstra não a aproximação do povo por gratidão, fé e amor ao seu santíssimo Deus, mas a rejeição a Deus por um coração idólatra, falso e corrompido pelo pecado, que coloca os seus desejos materialistas e anseios pecaminosos, acima do governo e da vontade santa e soberana do Senhor.

 

Ele deseja que seu povo seja santo como Ele é Santo. Aqueles que desejam cultuá-lo sem abandonar os seu pecados estão rejeitando o verdadeiro Deus e estão praticando uma falsa religião.

 

Mas a igreja de hoje precisa despertar imediatamente, pois como no passado, Deus não poupará os falsos adoradores, nem os falsos profetas que estão infiltrados no seu meio.

 

Os verdadeiros cristãos precisam estar cientes que devem provar as motivações de seu culto pela seguinte doutrina ensinada neste versículo:As pessoas podem estar rejeitando a Deus, mesmo quando mantém umculto e ofícios religiosos de forma permanente em sua homenagem.

 

Não são os aspectos externos de um culto que demonstram que ali se reúne um povo aprovado por Deus.

 

Olhemos para as igrejas de nossos dias.

 

Os católicos romanos com suas liturgias e aparatos religiosos, as igrejas tradicionais com sua organização e corais maravilhosos.

 

As igrejas evangélicas pentecostais e neo pentecostais dos dias de hoje com todos os seus shows pirotécnicos e pregadores que mais parecem apresentadores de programas de auditório.

 

E todos nós defendendo as nossas práticas de culto como aquela que Deus aprova.

 

Será que Jesus hoje não usaria as mesmas palavras que usou para repreender os discípulos de João Batista quando perguntaram aos seus discípulos porque não praticavam o jejum como eles.

 

Jesus diz que tais atitudes dos religiosos de sua época, eram como o colocar remendo novo em roupas velhas e vinho novo em odres velhos.

 

Porque não praticavam tal ato religioso segundo a vontade de Deus que é o abandono de toda a impiedade.

 

Vejam que toda pratica externa tem que ser movida por uma boa motivação interna para que Deus a aceite. Leiam Isaías 58: 1 – 12e percebam que o Senhor neste texto mostra que o fervor que está sendo demonstrado externamente, para não ser uma rejeição a Ele deve ser acompanhado por uma vida verdadeira de abandono de pecados, piedade e santo temor a Ele em todos os momentos que caminhamos com Ele. Lembrem-se de 1ª João 1: 6 "Se dissermos que mantemos comunhão com ele e andarmos nas trevas, mentimos e não praticamos a verdade."

 

Quantas vezes as pessoas vem aos cultos, se colocam na presença de Deus com aparência de humildade, ouvem através da Palavra de Deus, o que Deus espera que elas façam, mas ao saírem daquele ambiente religioso, é como se Deus não estivesse mais com elas fazendo aquelas exigências, é como se Ele estivesse satisfeito e ficasse no templo e não se incomodasse com aquilo que nós fazemos. Os que agem desta forma, lhes serve bemesta palavra de repreensão do Senhor:"Pois que este povo se aproxima de mim e, com a boca e com os lábios, me honra, mas o seu coração se afasta para longe de mim, e o seu temor para comigo consiste só em mandamentos de homens, em que foi instruído;”(Isaías 29: 13)Jesus citou estas mesmas palavras de Isaías 29: 13 aos religiosos do seu tempo, mostrando que eles continuavam a praticar os mesmos pecados de seus pais mesmo após terem se passado quase 700 anos que o livro de Isaias havia sido escrito.

 

Os avanços tecnológicos ou as conquistas científicas, não mudam as atitudes dos pecadores, pois o homem continua caído e carente da misericórdia e graça de nosso Senhor Jesus Cristo.

 

Nesta nossa época de grande modernidade será que o homem do século XXI melhorou nas suas motivações para cultuar o Deus vivo?

 

Será que ele não comete mais este grande pecado?

 

Então amados, não é por fazer parte de uma igreja ou participar de sua programação religiosa que uma pessoa não está rejeitando a Deus, mas sim por demonstrar através de uma vida piedosa diante de Deus e diante do seu próximo, que reconheceu os seus pecados diante do Senhor, que se arrependeu sinceramente das suas práticas pecaminosas e que encontrou o perdão de Deus em seu Filho Amado Jesus Cristo e agora por ter recebido o seu Santo Espírito, vive pela fé na providência e procura viver única e exclusivamente para que o nome do seu Senhor seja honrado e glorificado através de sua vida nesse mundo tenebroso.

 

Amado leitor! Se for o caso de após ler este pequeno artigo você venha a perceber que o seu culto se encontra nesta triste condição diante de Deus e com estas motivações errôneas descritas acima, saiba que você se encontra em uma terrível condição diante de Deus.

 

Talvez você tenha aprendido sobre Deus e afé nele somente de uma forma racional e intelectual, sem um real desejo de colocar em prática em sua vida a vontade soberana de Deus.

 

Simplesmente o que você demonstra com estas atitudes é que deseja praticar um culto apenas externo, e após momentos de alegria e refrigério junto ao povo de Deus, voltar aos seus pecados.saiba que você está rejeitando a graça e a misericórdia de Deus e pior que isso está rejeitando e cansando o Senhor com o seu culto. Até quando você acha que Ele te suportará?

 

Não esqueça as palavras que originaram o conteúdo deste artigo que dizem que a mão de Deus não se levanta apenas para abençoar! “Tu me rejeitaste, diz o SENHOR, voltaste para trás; por isso, levantarei a mão contra ti e te destruirei; estou cansado de ter compaixão.”

 

junior 1 - perfil 1

Pr Nivaldo Júnior

Teólogo, Apologéta

Pastor Igreja Batista Osório - RS

 

 

 

 

estudosbiblicos5