..::Ministério da Reconciliação::..

Text size
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Missões Internacional

Internacional

Missionários cuidam de muçulmanos feridos em atentado

Alguns missionários cristãos estão trabalhando diligentemente em Lahore, Paquistão, no cuidado das pessoas afetadas pelo ataque terrorista ocorrido na Páscoa. A contagem oficial indica 72 pessoas mortas e pelo menos 320 feridos.

Quando um suicida se explodiu em um parque onde cristãos se reuniam, vários muçulmanos que estavam no espaço público acabaram sendo atingidos. O alvo eram as mulheres e crianças, que estavam em maioria no local, explicou o chefe de polícia de Lahore, Haider Ashraf.

O grupo extremista islâmico Jamaat-ul-Ahrar, uma dissidência do Talibã, assumiu a responsabilidade pelo atentado. “Reivindicamos a responsabilidade pelo ataque a cristãos que estavam celebrando a Páscoa”, afirmou o grupo em um comunicado. Até agora ninguém foi preso pelas autoridades do Paquistão, país onde menos de 2% da população professa o cristianismo.

Menos de três semanas depois, mais de 150 muçulmanos ainda estão precisando de cuidados hospitalares. O mesmo vale para cerca de 50 cristãos, sendo que 23 deles têm menos de 20 anos de idade. O diretor do ministério Christian Aid Mission explica que cerca de 50 muçulmanos e 18 cristãos estão em estado crítico, a maioria deles é criança.

missão Christian Aid está oferecendo ajuda aos feridos e aos familiares dos mortos, independentemente de sua religião. Isso inclui visitas, aconselhamento, refeições e até ajuda para cobrir os custos médicos das vítimas.

A resposta da maioria dos muçulmanos tem sido muito boa. Isso inclui receberem orações dos missionários, algo que normalmente é recusada pelos islâmicos. Um dos missionários da Christian Aid, que prefere não se identificar, conta: “Estamos orando com todos. A cada dia tomamos um pastor diferente de uma denominação diferente”.

Seu desejo é que Deus use esse ministério para abrir os olhos daqueles que sofreram nas mãos de extremistas islâmicos para entenderem a verdade do Evangelho e o mandamento de Jesus de amarmos o próximo. “É uma expressão muito prática do amor de nosso Senhor para os outros, para que muitos possam vir a conhecer o seu Salvador”.

 

Missionários espancados por muçulmanos estão desaparecidos

Três missionários que trabalham na missão Bibles for Middle East [Bíblias para o Oriente Médio] desapareceram no dia 14 de junho. Stephan (32), Samuel (29) e James (30) s...

Após igreja ser destruída, chineses fazem culto nas ruínas

A missão China Aid vem divulgando o aumento da perseguição em solo chinês desde 2008, quando o governo voltou a tentar coibir as práticas religiosas em larga escala. Xi J...

China

China

A população cristã cresce e já representa a segunda maior religião do país, atrás apenas do Budismo, segundo a CIA

 

A China continua sendo um dos países mais complica...

Ore pelo Equador

Nossas missionárias Marta do Carmo e Joseane Lima, que atuam no Equador, estão no Brasil para a campanha de Missões Mundiais, e pedem oração pela situação no país sul-ame...

Página 3 de 50

estudosbiblicos5